LEIA TAMBÉM


NEWSLETTER      




Compartilhar

Exames de Catarata

pag-exames-catarata

Atualmente, a catarata já pode ser diagnosticada no microscópio (lâmpada de fenda) durante a consulta de rotina, mas para a eficiência, precisão e eliminação da margem de erro, o paciente passa por diversos equipamentos de última geração.

Esses equipamentos fazem um mapeamento completo da situação ocular do paciente, servindo como guia para procedimentos cirúrgicos. É com esses exames que é possível avaliar, por exemplo, o cálculo de grau para lente intraocular.

As lentes intraoculares são implantadas no lugar do cristalino opaco, devolvendo a nitidez da visão.

A rotina de exames para cirurgia de catarata a laser  é:

  • Ceratometria basal da consulta;
  • Topógrafo Medmont (mapa de curvatura da superfície da córnea);
  • Topolaser (mapa de curvatura da superfície da córnea);
  • IOL Master (biometria por interferometria) para o cálculo da Lente Intraocular;
  • Galilei G6. (biometria por tomografia – OCT) para cálculo da Lente Intraocular;
  • Ocuscan (biometria por Ultrassom de imersão) para cálculo da Lente Intraocular;
  • Microscopia Especular da Córnea para avaliação das células da superfície interna da córnea;
  • Tomografia (OCT) da córnea e Retina (a catarata acomete, em sua maioria, pacientes com idade acima de 60 anos, que é quando existe uma tendência de degeneração da retina. Por isso, também realizamos tomografias da Retina (OCT) para afastar essas patologias)

Os exames para cirurgia de catarata são realizados e confrontados entre si para diminuir a margem de erro e garantir o sucesso do procedimento.

 

Agendar Oline uma Consulta